Educação

Compartilhe:  
Segundo Congresso de Educação da Zona Leste foi fato importante do ano na região
por: Valter A. Costa
21/12/2014

Entre os dias 27 e 31 de outubro de 2014 aconteceu o Segundo Congresso de Educação “Zona Leste: Currículo, Território e Direitos Humanos”, numa parceria entre a UNICASTELO, as Diretorias Regionais de Educação da  Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (as localizadas na Zona Leste) e as Lestes 1, 2, 3 e 4 da Secretaria Estadual de Educação.
A Abertura do Congresso aconteceu no dia 27/10, no auditório da Arena Corinthians, em Itaquera, e contou com a presença do Secretário Municipal de Educação, Cesar Callegari, de representantes da Reitoria da Universidade e Coordenação de seus vários cursos e dirigentes regionais de ensino da rede municipal e estadual. Participaram ainda professores e alunos da Educação Básica e Ensino Superior. Na cerimônia de abertura somente puderam participar os primeiros trezentos inscritos. Os demais participantes (cerca de duas mil pessoas fizeram inscrição e comparecem ao longo da semana em todas as atividades que foram desenvolvidas) puderam escolher as mesas redondas, as conferências, as oficinas e os relatos de prática que ocorreram no CEU Azul da Cor do Mar e nas próprias dependências da UNICASTELO.


Entre as várias atividades desenvolvidas podemos destacar:

-  No dia 28 de outubro, na parte da  manhã, a Mesa Redonda sobre Gestão Democrática e Participativa, na qual participaram como expositores os professores Alexandre Pereira da Silva, Dionel da Costa Junior e José Silveira (mestrando em Educação pela UNIFESP e diretor da EMEF Antônio Duarte de Almeida). Nesse mesmo horário também foi bem concorrida a Mesa Redonda “Múltiplos Olhares sobre a Realidade Local: O Trabalho da Unicastelo com o PIBID” apresentada pela Coordenadora Abigail Malavasi.

-No dia 28 de outubro, no horário da noite, foi bem disputado o espaço da sala em que ocorreu a Mesa Redonda “Vulnerabilidade e Culturas Juvenis”, que contou com a presença de Renato  de Souza Almeida e Gabriel Medina, com mediação feita pela professora Rosangela Almeida Costa. No mesmo horário, no CEU Azul da Cor do Mar, uma grande Conferência foi apresentada por Celso Antunes que tratou do tema “Aprendizagem Significativa, Interdisciplinaridade e Direitos Humanos”.

- No dia 29 de outubro, no horário da manhã, um dos debates mais significativos foi conduzido pela professora Ana Maria Saul (da Cátedra Paulo Freire – PUC – SP) e Professor Alexandre Saul que trataram do tema “Educação Democrática, Projeto Político Pedagógico e Aprendizagem Significativa”. No mesmo horário aconteciam ainda: a Mesa Redonda “Educação como Desenvolvimento Local: Convivência Escolar e Gestão Colaborativa”, com Viviane Hercowitz (da Fundação Tide Setúbal) e Adriana de Jesus de Souza, da Diretoria Regional de Educação de São Miguel Paulista; e a Mesa Redonda “Educação Patrimonial: Arte e Meio Ambiente”, com os professores José Souza Ferreira da Silva e Maria Candelária Volpani de Moraes e professora Solange dos Anjos Castanheira. Também no horário da manhã, outra Mesa Redonda foi bastante concorrida: a que tratou do tema “Gestão Democrática do Sistema de Ensino” com a participação dos professores Amarildo Luchetti E Eva Pereira de França Santos (dirigentes das Lestes 1 e 2)

- No dia 30 de outubro, na parte da manhã, ocorreu a Mesa Redonda “Literatura, História e Direitos Humanos”, integrada pelos professores Gerson Tenório dos Santos, Maria Candelária Volponi Moraes e Paulo Cesar Carneiro Lopes, numa das salas, enquanto em outra acontecia a Mesa Redonda “Educação como Desenvolvimento Local: Pesquisas na Zona Leste e Equilíbrio Ambiental”, com a participação dos professores Elie Ghanem, Valter de Almeida Costa e Teresa Andrade.


-Nesse mesmo dia 30 de outubro, no horário da noite, no CEU Azul da Cor do Mar, aconteceu a Mesa Redonda “ Trabalho Pedagógico, Autoria e Intervenção Social”, com a participação dos professores Fernando José de Almeida (Diretor de DOT de SME) e Branca Jurema Ponce (Coordenadora do Programa Educação: Currículo da PUC – SP).

- No dia 31 de outubro, entre as atividades desse dia de encerramento pode ser mencionada a Conferência “Reconhecimento e Afirmação de Histórias e Culturas Negadas como Centralidade dos Direitos Humanos”, com a professora Monica Guimarães Teixeira do Amaral.



Mais notcias relacionadas a Educação

• O Assunto é Itaquera, Arena Corinthians e os Projetos de Desenvolvimento da Região. Acompanhem essa live
• Apresentando a Brigada pela Vida - 17/09 às 17h30 - Facebook Lavra Editora
• #LIVE - A contribuição da Escola Pública para o combate à pandemia: A proposta da Brigada Pela Vida
• Vídeo III Congresso - Professor Paulo Cesar Carneiro
• Vídeo III Congresso - Manoel Romão




Deixe seu comentrio